terça-feira, agosto 01, 2006

Adiós!

Parece que Fidel Castro, o mais longevo ditador do mundo está com sérios problemas de saúde, com sangramento intestinal. Fala-se em diverticulite, que foi o que matou Tancredo Neves, se não me engano.
Não desejo que morra, mas que poderia se afastar eternamente do comando, poderia.
É um genocida, autoritário e repressor. Em sua amada ilha não existe liberdade de expressão, de culto religioso ou de ir e vir.
Tortura e mata jornalistas dissidentes, condena a prisão perpétua escritores ou artistas que ousam contestá-lo, obriga centenas de cubanos tentarem escapar do País em balsas improvisadas em carcaças de automóveis antigos, muitas vezes se afogando na tentativa desesperada de escapar ao jugo do Comandante.
É uma eminência parda de todos os neo-déspotas do tipo Hugo Chavez.
Pensando bem...

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home